sexta-feira, 24 de março de 2017

Azul, branco e amarelo: uma combinação feliz

Ei gente, tudo bem? Eu amo a combinação das cores, branco, azul e amarelo. Acho que essas são tonalidades que se complementam perfeitamente, tornando a decoração chique, moderna e muito alegre!

A mesa posta de hoje retrata bem essa proposta. As cores deram vida à decor. Nessa montagem tenho vários artigos novos, afinal "eu estava precisando", risos. Estreei meu jogo americano rendado prata, meu sousplat azul, meu guardanapo branco decorado com flores e minhas taças bico de jaca, também na cor azul. Eu não tinha nenhum desses itens, então, realmente eu estava precisando, concordam? Risos.

Para completar, dando suavidade e leveza, usei meu aparelho de jantar branco, com fio prata na borda, taças transparentes e deixei o toque final para o arranjo do centro de mesas, que fiz com flores amarelas.

Eu adorei essa composição. Deixem seus recadinhos e digam se gostaram também. Um beijo e ótimo final de semana!

Andreia



 

 



quarta-feira, 22 de março de 2017

Almoço especial

Sabe aquele dia em que você quer preparar uma mesa muito especial para um convidado mais que especial? Pois foi assim que me senti neste dia, ao receber a minha norinha pela primeira vez em casa. Queria que ela se sentisse à vontade e ao mesmo tempo recebida com muito carinho. 

Meu filho participou intensamente de toda preparação do almoço daquele dia, da mesa à sobremesa. Escolheu os sousplats pretos com poás brancos que foram o ponto de partida para a arrumação da mesa. Eu completei com louça branca, guardanapos de papel em tons de preto e branco, que ganhei de presente da minha irmã, e dei um toque de cor com as taças e lacinhos vermelhos para amarrar os talheres, colocados sobre os guardanapos para não voarem. 

O almoço foi super agradável e o meu marido fez um churrasco muito gostoso. Para acompanhar, arroz e farofa. A sobremesa, foi preparada pelo meu filho, que estreou na cozinha fazendo um delicioso cheesecake de goiabada. Um sucesso! Depois do almoço, curtimos uma seção de cinema em casa. O dia foi super agradável e, com certeza, o primeiro de uma série de finais de semana em família, que a partir de agora, tem um membro a mais! Um beijo e até o próximo post,
Luciana







segunda-feira, 20 de março de 2017

Piquenique no quintal!

Adoro a proposta de um piquenique! Mas nessa correria do dia a dia, muitas vezes não é fácil arrumar tempo pra sair, ir para parques, praças... Então, uma boa saída é preparar um piquenique no próprio quintal!

Foi isso que fizemos numa tarde dessas, quando minha filha estava em companhia de 2 amigas, e ela me pediu para preparar um 
piquenique para elas!

Improvisei uma toalha xadrez, porque
piquenique sem xadrez não dá! E foi ali no quintal mesmo, com suco, frutas, pipoca, salgadinhos, que elas se divertiram, pensando que estavam numa pracinha de verdade!!!

Não precisamos complicar! As coisas simples são as melhores. Não tenho dúvida disso...
Até o próximo post, 

Letícia






sexta-feira, 17 de março de 2017

Chá para aquecer o corpo e a alma


Ei pessoal, tudo bem? Sabe aquela noite em que seu corpo pede algo para aquecê-lo e aconchegá-lo? Eu estava assim outro dia e decidi tomar um delicioso chá antes de ir para a cama.

Aproveitei para montar uma linda mesa para mim. Afinal, eu também mereço, não é mesmo? Estreei meu bule e xícara decorados, que são puro charme. Estava uma delícia e fui dormir com uma sensação de leveza e bem-estar muito grandes.

Resolvi, então, pesquisar a origem do chá e algumas dicas de sabores ideais para serem consumidos ao longo do dia. Espero que gostem! Um beijo e bom final de semana.
Andreia

A origem do chá: Apesar de existirem muitas
histórias a respeito do surgimento do chá, a mais comum vem da China. De acordo com ela, o Imperador Shen Nung, em torno do ano de 2.800 a.C., tentando evitar as grandes epidemias que aconteciam em seu reino, determinou como lei a fervura da água antes do consumo. Com esse hábito, o imperador costumava ir tomar a água quente embaixo de uma árvore. Durante essas experiências, caíram folhas dentro do recipiente com água, que deixaram o sabor diferente e muito agradável. A partir disso, o imperador começou a fazer experiências com outras folhas e plantas e escrever sobre seu sabor e como sentia-se após o consumo. A bebida começou a ser consumida em toda a China.

A partir do século XIX, tornou-se comum em torno de todo o mundo partindo para Inglaterra, Estados Unidos, Austrália, Canadá e diversos países. Esse hábito tornou-se, além de prazeroso, um tratamento medicinal, enquanto no Japão o preparo das bebidas tornou-se uma arte.



Algumas sugestões de sabores:
Para começar o dia: 
Chá verde – é um bom substituto do café, pois também contém cafeína. É também um bom desintoxicante. Experimente fazer uma infusão de uma pitada de chá verde com algumas folhas de erva-cidreira.

Chá de maçã – muito saboroso, combina bem com biscoitos ou bolos simples. Use maçã seca, canela em pau, cravo-da-índia e um bom pedaço de casca de laranja.

Chá de rosas – muito chique, para tomar com as amigas!Faça a infusão com rosas secas e coloque um dedinho de água de rosas depois de pronto.

Tchai – é o típico chá indiano. Ferva no leite por 3 minutos: canela, cravo-da-índia, vagens de cardamomo, gengibre (pouco), anis estrelado, zimbro e açúcar mascavo a gosto. Depois, adicione chá preto ou chá de jasmim e abafe por 5 minutos.

Digestivos:

Banchá – é o “chá japonês”. O mesmo que o chá verde, mas as folhas são envelhecidas por pelo menos três anos. Por ser altamente alcalinizante, também é indicado contra azia.

Chá de especiarias Ayurvédico – recomendado para ativar o “fogo” da digestão. Indicado para quem tem digestão lenta, gases ou mau-hálito. Ferva paus de canela, alguns cravos-da-índia, vagens de cardamomo e 1 dedinho de gengibre. Podem ser tomadas várias xícaras ao longo do dia.

Erva-doce – puro ou com canela, é uma delícia!

Para dormir:
Camomila – experimente adicionar à camomila algumas folhas de manjericão. É extremamente calmante.

Cidreira – por ter um sabor suave e adocicado é muito indicado para as crianças também.

Algumas dicas:
Durante a noite, evite receitas com cafeína para evitar de perder o sono (é o caso dos mates em geral, do chá preto e do chá verde). Prefira os relaxantes e experimente tomá-los bem quentes, pois ajudará a pegar no sono mais rapidamente.

Nunca ferva ervas ou frutas. Apenas sementes ou cascas podem ir ao fogo sem perder as características originais. O ideal é ferver a água e, numa caneca ou xícara, fazer uma infusão com os ingredientes escolhidos. Deixe a mistura abafada por 3 a 5 minutos, tempo suficiente para o chá ganhar sabor.

Fonte: internet

quarta-feira, 15 de março de 2017

Um passeio pela “VISTA ALEGRE”

O texto de hoje é um presente dos nossos pais. O texto, delicioso, é da Mãe e a fotografia, do pai, que na última vez em Lisboa, visitaram a loja das porcelanas Vista Alegre, e já pensando no Blog, fizeram a matéria.

Espero que gostem e que incluam o passeio no roteiro, quando estiverem em Lisboa!

Letícia e Luciana

"Minhas filhas me pediram um texto sobre o meu aparelho de jantar muito especial, que venho adquirindo há algum tempo, em breves passagens por Lisboa, ao retornar de outras viagens mundo afora.
É impossível falar muito resumidamente sobre Lisboa, cidade que aprendi a amar como se deve amar alguém com quem temos laços de sangue. Em Lisboa, eu me sinto à vontade, acolhida e com disposição para subir e descer suas ladeiras centenárias, algumas vezes a bordo do "Electrico 18" ou mesmo a pé, com a determinação de quem quer espiar em cada canto, as belezas desta cidade. 

E foi nesse ir e vir que entrei pela primeira vez na Loja Vista Alegre, no movimentado bairro do Chiado. A loja é linda e desde o primeiro momento a gente se perde admirando os cristais, as louças e os aparelhos de jantar. Claro que eu como dona de casa "de carteirinha" que sou, fiquei encantada com todos os conjuntos. Nem imaginava ou cogitava em formar algum. Mas meu marido, que também gosta de coisas pra nossa casa logo percebeu meu interesse e disse pra eu escolher um aparelho, porque iríamos trazer algumas peças. E foi assim que fizemos a primeira compra.  

O nosso aparelho é da linha "Viana". Fiquei morta de medo que chegasse aqui no Brasil todo em pedaços. Mas além de terem feito uma excelente embalagem na loja, fomos orientados a despachar no aeroporto, no setor de "embalagens fora de formato". Assim, há uma certa garantia (que não é total) de que estes pacotes irão em locais mais seguros e que não serão jogados desajeitadamente, como são nossas pobres malas. 

Pois bem, voltando ao aparelho de jantar, entre tantas opções, eu gostei mais dessa linha, por representar com muita autenticidade as cores e padrões da louçaria portuguesa e dos painéis dispostos em muros conventuais e museus. As cores azul royal e amarelo formaram um conjunto harmonioso mas ao mesmo tempo alegre, proporcionando mesas clássicas, com um toque de modernidade. 
Um aparelho de jantar "com história" pra mim, será sempre um legado que quero transmitir aos filhos sobre as viagens, o prazer que temos em conhecer outras culturas, em enriquecer-nos culturalmente com a arte dos nossos antepassados. 
A mesa sempre foi pra mim um lugar muito especial no dia-a-dia em família e certamente o aparelho comprado em Lisboa falará por mim... 
Lelena"





segunda-feira, 13 de março de 2017

Mesa Mexicana

Recentemente, preparei uma noite Mexicana para receber um grupo de amigos.

Primeiramente, por ser diferente e muito temperada, busquei saber se todos os convidados gostavam da comida.

Feito isso, comecei a pensar na decoração. Baixei uma imagem da internet e personalizei os jogos americanos, com impressão em papel couchê A3. Ficaram perfeitos e ninguém percebeu que eram de papel, até eu contar, claro!

Para a mesa de apoio, usei pratos vermelhos e vasilhas bem coloridas, tudo no clima. A mesa principal vou mostrar em outro post.

No cardápio, burritos (feitos com Rap 10), tortillas, e tacos. Para acompanhar e rechear guacamole, fatijas de frango, carne moída com chilli, feijão com chedar, alface, pico de galo e molho de tomate. Fiz todas as comidinhas em casa, com as receitas que tirei deste site.

Para beber, cerveja Sol e claro, Tequila!!!

Neste dia, até a iluminação foi especial, com pisca-pisca e muita música animada. Sucesso total! Vamos conferir algumas fotos. Espero que gostem e se inspirem com o tema!

Até a próxima,


Letícia









domingo, 12 de março de 2017

Divulgando: Encontro Gourmet - Comida de Cinema

Olá Pessoal,

Como falei nesse post, o próximo Encontro Gourmet, com o tema Cinema, será no dia 18/03/17, das 15 às 19 horas.

Quem quiser participar tem que correr para garantir sua vaga.

Eu irei, com certeza! Espero vocês!


Letícia






sexta-feira, 10 de março de 2017

Beleza e praticidade na hora de receber muitos convidados

Quando recebo muitos convidados, sempre gosto de montar mesa com serviço a americana, como já mostrei a vocês em alguns posts. Sempre acho que fica mais fácil de organizar e os convidados se sentem mais à vontade. 

Para essas ocasiões, amo fazer minhas ilhas de pratos, guardanapos e talheres, em formato de flor. Também não abro mão da minha mesa aparador para as taças e copos. Além de ficar muito lindo como decoração, essa maneira de dispor os itens fica super prático na hora das pessoas se servirem.

Para esse encontro, que busquei fazer mais informal, servi patês variados, beringela e carne desfiada em conserva, tábua de frios com queijos, presunto parma e salaminho, biscoito palito temperado, tomatinho em conserva, pães variados como pão de queijo, ciabattas, baguete francesa, além de uma rosca de ricota. Depois de algum tempo, servi um fricassê de frango com batata palha em mini rechauds individuais.

De bebida servi espumante, vinhos rosé e tinto, cervejas especiais, água, refrigerante e suco. Foi uma noite muito agradável e divertida! 

E vocês, como costumam montar as mesas para receberem muitos convidados? Nos contem também. Vamos adorar saber. Um beijo e bom final de semana. 

Andreia





quarta-feira, 8 de março de 2017

Dia Internacional da Mulher

O post de hoje é especial porque queremos prestar nossa homenagem às mulheres.

O dia 8 de março é apenas uma reflexão sobre a nossa caminhada, nada fácil, mas que, seguramente, sabemos onde queremos (e vamos) chegar!

Selecionamos cinco mesas que ilustram, com propriedade, algumas de nossas muitas qualidades, como Mulher.

Somos Alegres!

Somos sonhadoras!

Somos acolhedoras!

Somos iluminadas!

Somos delicadas...

Somos românticas!

Deixamos, ainda, a letra de uma canção de Raul Seixas, que descreve bem a diversidade do nosso papel nesse mundo… Essa música foi proibida, quando lançada, então é pouco conhecida, mas é uma boa reflexão para o dia de hoje, sobretudo quando diz que todas nós estamos aqui, "pra dizer, pra falar, de forma diferente, o que todo mundo sente"!

AVE MARIA DA RUA
No lixo dos quintais
Na mesa do café
No amor dos carnavais
Na mão, no pé, oh
Tu estás, tu estás
No tapa e no perdão
No ódio e na oração

Teu nome é Yemanjah
E é Virgem Maria
É Glória e é Cecília
Na noite fria
Oh, minha mãe
Minha filha, tu és qualquer mulher
Mulher em qualquer dia

Bastou o teu olhar
Pra me calar a voz
De onde está você
Rogai por nós
Ooooh, Ooooh!
Minha mãe, minha mãe
Me ensina a segurar
A barra de te amar

Não estou cantando só
Cantamos todos nós
Mas cada um nasceu
Com a sua voz,
Ooooh, Ooooh!
Pra dizer, pra falar
De forma diferente
O que todo mundo sente

Segure a minha mão
Quando ela fraquejar
E não deixe a solidão
Me assustar
Ooooh, Ooooh!

Minha mãe, nossa mãe
e mata minha fome
Nas letras do teu nome
Ooooh, Ooooh!

Minha mãe, nossa mãe
E mata minha fome
Nas letras do teu nome
Ooooh, Ooooh!
minha mãe, nossa mãe
E mata minha fome
Na glória do teu nome.

Um beijo especial a todas as mulheres, hoje e sempre! 

Equipe do blog Para Inspiração

segunda-feira, 6 de março de 2017

Uma mesa para viajar…

Herdei dos meus pais o gosto por viajar. uma paixão que tenho e encaro como um investimento. Viajar em família então, nem se fala! É alegria completa!

Quando estamos em casa, adoramos relembrar e rever as fotos das viagens. Pode ser pelo Brasil, interior de Minas, ou mesmo pelo mundo afora… O importante é passear e conhecer um novo lugar.

E por que não estampar na toalha essas lembranças? Eu e minha mãe encontramos esse tecido numa loja daqui de BH e não tivemos dúvida que daria uma linda toalha de mesa.

Está aí a mesa com estampa “Londrina” , que nos proporcionou um delicioso almoço no final de semana, com muita conversa sobre nossas viagens… Para o almoço, uma deliciosa comida mineira, com tropeiro, lombo, arroz e farofa, e doces mineiros para a sobremesa.

Agora uma pergunta, vocês curtem nossos posts sobre viagens? Deixe sua opinião. É muito importante pra nós. Beijos e até a próxima.
Letícia